quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

Inspiração...


Quando menos espero ela surge, imbuída de desejo...efervescente por existir...Ela me para, me faz sentar e escrever...
" Nas maiores ondas, nos mares mais bravios é que se fazem os melhores marinheiros".
Hoje, ao ler esta frase, meu pensamento foi tomado por tal reflexão...
Tudo é tão comum, banal, distante...até que...aconteça com a gente.
O ato de vivenciar as ondas e ventos contrários é algo tão pessoal quanto o nosso nome...nossa identidade...nossa historicidade...
Independente do que se trate, ou de quantas inúmeras pessoas passem pelas mesmas e até piores situações, não vem ao caso...
Esta, particularmente, é a minha história.
Sem nenhuma pretensão de me vitimizar e/ou potencializar coisa alguma...
Apenas a minha complexidade, a minha demanda, a minha guerra, o meu deserto, a minha morte...minha, só minha.
Enfrentando é que entendo a riqueza e a profundidade em  curtir o meu "dia mau" é que percebo a metamorfose existencial e...quanto mais intensa for a dor, maior e mais visceral será a minha fortaleza...
Descubro uma mulher que jamais pensei existir...
Escancaro de vez todas as portas e impedimentos que outrora não a deixavam chegar...e lhe saúdo:
VENHA, EXISTA, SEJA...cada vez mais...
E traga toda esta leveza no olhar...
Cores no sorrir...
Luz no falar...
Amor na alma...
Força no caminhar e ...


Poesia no existir...


Karla Morgana.


(Obs. Hoje, especialmente, foi um dia de grandes elaborações e partilha num momento  rico  de diálogo com uma grande parceira de caminhada...Tânia Bazante)





















Nenhum comentário:

Postar um comentário